Camacho tem valorização salarial de 59% ao trocar Corinthians por Santos

Logo: Stats Perform

Stats Perform

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/crop/face?h=810&image=https%3A%2F%2Fimages.performgroup.com%2Fdi%2Flibrary%2Fdazneditorialimages%2Fcb%2F35%2Fcamacho_camacho_1d9zngus7aj8u1hemg6z3va1um.jpg%3Ft%3D395681850&q=25&w=1080

Camacho deixou o Corinthians para acertar com o Santos nessa terça-feira (15). Ele rescindiu o contrato no CT Joaquim Grava e foi em definitivo para a Vila Belmiro. Na transferência, o meio-campista recebeu uma valorização salarial de 59%, conforme apurado pela Goal com pessoas ligadas à negociação.

Presente em 14 das 26 partidas do Corinthians na temporada, Camacho estava fora dos planos da comissão técnica de Sylvinho. O treinador autorizou a sua liberação no mercado da bola para o clube da Baixada Santista. A questão salarial, inclusive, era um fator relevante. O Timão vê uma queda considerável em sua folha de pagamentos mensal com a ida do jogador para o Santos.

O Peixe, por outro lado, topou uma valorização para o atleta que chega à Vila Belmiro como um dos pilares do meio de campo que será construído pela comissão técnica de Fernando Diniz. O clube teve superávit de R$ 63 milhões no primeiro trimestre e viu a possibilidade de utilizar o dinheiro na captação de novos nomes para reforçar o plantel.

O volante de 31 anos assinou contrato até dezembro de 2022 com o Peixe. A sua contratação foi um pedido do técnico Fernando Diniz, com quem trabalhou por nove anos defendendo as cores de Guaratinguetá, Audax-SP e Athletico Paranaense. Ele treina com o restante do elenco desde segunda-feira (14).