Com Bernardo Silva bom da cabeça, City abre vantagem sobre o Gladbach

Logo: OneFootball

OneFootball

Luiz Signor

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/crop/face?h=810&image=https%3A%2F%2Fwp-images.onefootball.com%2Fwp-content%2Fuploads%2Fsites%2F13%2F2021%2F02%2FFBL-EUR-C1-MOENCHENGLADBACH-MAN-CITY-1614203309-1000x778.jpg&q=25&w=1080

O Manchester City que vinha de 18 vitórias consecutivas na temporada chegou ao 19º triunfo seguido nesta quarta (25), alcançando o 26º jogo sem derrotas na temporada.

A vítima da vez foi o Borussia Mönchengladbach, superado na condição de mandante por 2 x 0 pela ida das oitavas de final da Champions na Puskás Arena em Budapeste.

Bernardo Silva foi o nome do jogo: um gol e uma assistência usando a cabeça em solo húngaro.

⚽ ‘Gol de Guardiola’

O City foi, como se esperava, melhor desde o início. Ocupava bem os espaços e, com a bola, tentava transpor a marcação rival.

João Cancelo, lateral-direito de origem, atuou mais uma vez pela esquerda. Ora como meia, ora como lateral, do jeito que Pep gosta.

E foi após um cruzamento seu que Bernardo Silva, de cabeça, abriu o placar os 29 após Elvedi vacilar.

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/resize?fit=max&h=779&image=https%3A%2F%2Fwp-images.onefootball.com%2Fwp-content%2Fuploads%2Fsites%2F13%2F2021%2F02%2FFBL-EUR-C1-MOENCHENGLADBACH-MAN-CITY-1614201379.jpg&q=25&w=1080

🚫 Letalidade não aparece

O Borussia M’Gladbach ficou menos com a bola na etapa inicial – 39% -, mas não conseguiu ameaçar Ederson quando a teve.

E apesar de ser, entre os classificados às oitavas, o time que menos precisa de chances para marcar, a equipe de Marco Rose deixou muito a desejar. Não arriscou nenhuma finalização.

Gladbach tenta, mas…

A equipe de Marco Rose, futuro técnico do Dortmund, bem que tentou se impor. Pléa, de forma acrobática, teve boa chance.

Só que o City foi letal. Outro cruzamento, desta vez de Foden, ajeitada de Bernardo Silva com a cabeça e gol dele, Gabriel Jesus.

Guardiola preservou jogadores, mas o City seguiu melhor. Mas quem teve a melhor chance foi Wolf.

O erro de Rodri foi corrigido por Ederson, que fez grande defesa aos 48 da etapa final.

B. Monchengladbach 0
Manchester City 2
Fim de jogo

🚦 Como fica

O jogo de volta será no próximo dia 16, quando City e Gladbach se enfrentarão no Etihad Stadium.

O City pode ser derrotado por um gol de diferença.

A equipe alemã precisa devolver o 2 x 0 para ir à prorrogação. E vencer por 3 x 0 para avançar no tempo regulamentar.

Se triunfar por dois gols de diferença a partir do 3 x 1, se classificará pelo número de gols marcados na casa do adversário.


Foto: Attila Kisbendek/AFP via Getty Images