Corinthians erra muito, tem péssimo desempenho e fica apenas no empate com Vasco

Logo: Meu Timão

Meu Timão

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/crop/face?h=810&image=https%3A%2F%2Fcdn.meutimao.com.br%2Ffotos-do-corinthians%2Fw941%2F2021%2F02%2F21%2Fangelo_araos_no_jogo_contra_o_o_vasco_na_neo_k5xn.jpg&q=25&w=1080

O Corinthians teve uma tarde para esquecer neste domingo. Na Neo Química Arena, a equipe alvinegra voltou a jogar mal e ficou apenas no empate por 0 a 0 com o Vasco da Gama, pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o Timão chegou aos 50 pontos, se manteve na décima colocação e deu adeus à vaga na Copa Libertadores. O Santos se garantiu como o oitavo colocado da competição.

Próximo compromisso

  1. O Corinthians fecha sua participação na atual edição do Brasileirão na noite da próxima quinta-feira, às 21h30, contra o Internacional, no Beira-Rio, em Porto Alegre.

Escalação do Corinthians

O técnico Vagner Mancini promoveu duas alterações entre os titulares alvinegros: o lateral-direito Fagner e o volante Ramiro entraram nas vagas de Michel Macedo e Victor Cantillo, respectivamente.

  1. A escalação do Corinthians teve Cássio; Fagner, Jemerson, Gil e Fábio Santos; Gabriel e Ramiro; Gustavo Mosquito, Araos, Mateus Vital e Léo Natel.
Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/resize?fit=max&h=608&image=%2Ffotos-do-corinthians%2Fw941%2F2021%2F02%2F21%2Fescalacao_tvmr.jpg&q=25&w=1080

O Vasco, por outro lado, foi a campo com Fernando Miguel, Léo Matos, Ricardo Graça, Leandro Castan, Henrique, Bruno Gomes, Andrey, Carlinhos, Yago Pikachu, Talles Magno e Germán Cano.

Os 90 minutos

Primeiro tempo

O Corinthians dominou todas as ações do primeiro tempo, mas voltou a ter uma atuação discreta na temporada. A equipe de Vagner Mancini pecou na conclusão das jogadas e foi pouco criativa durante os 45 minutos iniciais.

Logo aos seis minutos, o Timão teve sua primeira grande oportunidade. Após rápido contra-ataque, Léo Natel, com quatro opções de passe contra dois marcadores, dominou e finalizou por cima da meta adversária.

Dez minutos depois, Gustavo Mosquito fez boa triangulação com Ramiro, que deixou a bola para Fagner. O lateral-direito invadiu a área, bateu com força e exigiu uma grande defesa de Fernando Miguel.

Aos 34, Mosquito sentiu uma pancada no joelho direito e precisou ser substituído. Com isso, Vagner Mancini optou pela entrada do jovem Gabriel Pereira. Pouca coisa aconteceu após essa alteração e as equipes foram para os vestiários com o 0 a 0 no placar.

Segundo tempo

O técnico Vagner Mancini promoveu duas alterações durante o intervalo. O lateral-direito Michel Macedo e o meia Cazares entraram nos lugares de Fagner, que sentiu incômodo muscular, e Araos, opção, respectivamente.

Aos dez minutos, Cazares deu um lindo passe de primeira para Ramiro, que bateu sem força e viu o goleiro Fernando Miguel defender com certa tranquilidade. Foi a primeira boa chegada do Timão na etapa final.

Em seguida, o experiente centroavante Jô entrou na vaga de Léo Natel.

Mesmo longe de encantar, o Corinthians seguiu levemente superior na partida. Depois de jogada pelo lado direito, Michel Macedo cruzou para a grande área, Jô desviou de cabeça e Fábio Santos, de três dedos, mandou rente à trave esquerda do arqueiro vascaíno.

Mancini fez sua última alteração aos 27, com a entrada de Otero no lugar do meia Mateus Vital. Já nos acréscimos, Jô recebeu passe de Otero e finalizou, exigindo mais uma boa defesa de Fernando Miguel. Cazares, na sequência, também parou no goleiro do Vasco.

Fim de jogo na Neo Química Arena!