Inter continua com mudanças no elenco e encaminha a saída de mais dois jogadores

Logo: Stats Perform

Stats Perform

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/crop/face?h=810&image=https%3A%2F%2Fimages.performgroup.com%2Fdi%2Flibrary%2Fdazneditorialimages%2F80%2Fcb%2Fabel-hernandez-internacional_abel_hernandez_internacional_16n1s5pzslogi1v6du0itpzy1w.jpg%3Ft%3D-1204838856&q=25&w=1080

Dois jogadores do Internacional estão próximos de deixar o Estádio Beira-Rio. Trata-se do centroavante uruguaio Abel Hernández e o meia argentino Martín Sarrafiore.

Abel tem contrato com o Inter até o mês de junho e não terá o seu vínculo renovado com o colorado. O uruguaio chegou no Inter em agosto do ano passado para suprir a ausência de Paolo Guerrero, que havia rompido os ligamentos do joelho direito. Até o momento Abel Hernández participou de 31 jogos com a camisa do colorado, marcando seis gols - incluindo o primeiro da virada no último Gre-Nal do Brasileirão passado.

Por ter um salário considerado alto para os atuas padrões estabelecidos pela gestão colorada, a direção vê com bons olhos uma possível liberação do centroavante antes do final do contrato. O Fortaleza também havia sondado o jogador, mas acabou recuando após tomar conhecimento da pedida salarial de Abel.

Quem também está de malas prontas para deixar o colorado é o meia argentino Martín Sarrafiore. O jogador retornou de empréstimo do Coritiba, onde o seu melhor momento foi quando acabou atuando de goleiro, em partida contra o Fortaleza. Nesta ocasião, o jogador de 23 anos acabou defendendo um pênalti cobrado por Welington Paulista.

Fora dos planos do técnico Miguel Ramírez, o meia argentino deverá ser emprestado para o CRB até o final desta temporada, com o Inter pagando parte do salário.

“Existe o interesse do CRB, eles demonstraram interesse no Sarrafiore, mas ainda não temos nada definido. É possível que o Inter pague parte do salário e o CRB a outra parte”, destacou o vice de futebol João Patrício Hermann.

Oficializado em 2019, Sarrafiore foi centro de uma disputa entre Inter e o Huracán, seu clube de origem, que chegou até a acionar a Fifa por um suposto aliciamento do clube gaúcho ao jogador. Em Porto Alegre, no entanto, ele acabou não correspondendo às expectativas e foi emprestado ao time do Couto Pereira no último ano.